Menú Atrás Adiante Índice

 

Moldagem facial

O moldagem amoldamiento facial facial é uma deformação músculo-esquelética (Figura 171.1). É geralmente devido à compressão da cara do feto contra as paredes do útero ou o próprio ombro de feto.Embora a área envolveu pela assimetria possa variar, a mandíbula é, freqüentemente, a mais afetada. Na maioria dos casos não é necessário tratamento algum porque passado o ano, a deformidade apenas se nota. As deformidades marcadas da mandíbula podem produzir mau oclusão do processo alveolar e portanto necessitam tratamento.

A B

Figura 171.1. Moldagem facial. A mandíbula direita se aparece mais afiada enquanto a esquerda está mais cheia. A assimetria facial está presente durante [A] chorando e [B] durante o estado de quieto desperte. .


Plagiocefalia

Plagiocefalia ou craniostenose (craniossinostose) assimétrica podem produzir uma face assimétrica (Figura 171.2).

A
B
C

Figura 171.2 Cara assimétrica devido a plagiocefalia. A assimetria está presente enquanto adormecido [A], desperte [B], e ao chorar [C].

Fusão unilateral da sutura lambdóide ou da sutura coronal (Figura 171.3) é uma causa freqüente de assimetria facial. Plagiocefalia deve ser corrigida por cirurgia antes de 4 a 6 meses de idade.

A
B
C

Figura 171.3Sinostose da suturas coronal direita. [A] Desvio da sutura sagital e forma anormal da fontanela anterior; as órbitas são de tamanhos diferentes; [B] sinostose da sutura coronal; [C] sutura de coronal normal.

Plagiocephaly pode ser isolado ou parte de uma síndrome (Figura 171.4).

A
B
C

Figure 171.4 Face assimétrica devido a fusão da sutura coronal direita em paciente com síndrome de Apert. A assimetria está presente em vigília quieta [A], e ao chorar [B]. Syndactyly osseo e cutâneo [C].

Syndactyly osseo e cutâneo é severa em recém nascidos com sindrome de Apert (Figure 171.4).

A B

Figura 171.4.Syndactyly osseo e cutâneo em um recém nascidos com sindrome de Apert.


Tumores faciais

Os tumores faciais nos recém nascidos são raros. A distribuição da assimetria está relacionada à posição e ao tamanho do tumor. Em a maioria dos casos há uma massa óbvia. A assimetria pode mudar com ação mas nunca desaparecerá (Figura 171.5).

A B

Figura 171.5. Angioma facial. A assimetria facial é menos aparente durante o estado desperte-quieto [A] que quando esta chorando [B].


Os tumores mais freqüentes na região facial são teratomas, adenocarcinomas, e carcinomas que surgem na áreas das glândulas parótida e salivais. Limfangiomas (higromas cístico) do pescoço pode crescer bastante grande para produzir distorção facial (Figura 171.6). Os tumores faciais normalmente requerem cirurgia.

Figura 171.6. Extenso linfangioma del cuello que produce asimetría facial. Limfangioma (higromas cístico) do pescoço produzindo assimetria facial.

 

Menú Atrás Adiante Índice
Parmelee, 1931 Tefft, 1965 Quer ver?